(VÍDEO) Entregador de aplicativo é mais um sufocado pela PM de São Paulo: “não consigo respirar”


Vídeo mostra policiais agredindo um motoboy durante abordagem na avenida Rebouças, na capital paulista; ao pedir socorro, entregador repetiu a frase proferida pelo estadunidense George Floyd antes de morrer. Assista
Na mesma semana em que veio à tona o vídeo de um policial pisando no pescoço de uma mulher negra, a Polícia Militar de São Paulo agiu de forma truculenta contra um entregador de aplicativos.
Durante abordagem na avenida Rebouças, zona oeste da capital paulista, agentes da PM sufocaram um motoboy que, em meio à ação violenta, clamava por ajuda: “Não consigo respirar!”, gritava. A frase é a mesma dita pelo estadunidense George Floyd pouco antes de morrer após uma abordagem da polícia. O caso dos Estados Unidos desencadeou protestos a nível mundial contra o racismo.
Vídeos que circulam nas redes sociais mostram a abordagem violenta contra o motoboy de São Paulo. Um grupo de outros entregadores se aglomerou durante a ação, e é possível ver, nas imagens, os policiais mandando os presentes se afastarem.
Em nota, a secretaria de Segurança Pública de São Paulo informou que o motoboy goi abordado por estar com a placa do veículo encoberta. “Os PMs abordaram. O motociclista ofereceu resistência, sendo contido”, informou o órgão, sem dar maiores detalhes sobre a ação violenta dos policiais.

Assista.