[su_heading size=”20″ align=”left” margin=”10″]Jair Bolsonaro desautorizou o vice-presidente Hamilton Mourão, que havia defendido o isolamento social no combate à pandemia de coronavírus. “O presidente sou eu, pô. O presidente sou eu”, disse[/su_heading]

“[su_highlight background=”#f0201c” color=”#fefdfe”]O presidente sou eu, pô. O presidente sou eu[/su_highlight]”, disse Bolsonaro em conversa com jornalistas diante do Palácio da Alvorada.
Os ministros seguem as minhas determinações. E o Mourão tem ajudado bastante, colaborado, dado opiniões, é uma pessoa que está do meu lado ali. É o reserva de vocês. Se eu empacotar aí, vocês vão ter que engolir o Mourão. É uma boa pessoa, podem ter certeza”, declarou.

O presidente Jair Bolsonaro e o vice-presidente Hamilton MourãoO presidente Jair Bolsonaro e o vice-presidente Hamilton Mourão (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)

Mourão disse que a posição oficial do governo é o isolamento social e que Bolsonaro se expressou mal. [su_heading size=”20″ align=”left” margin=”10″]A posição do governo por enquanto é uma só, a posição do governo é o isolamento e o distanciamento social“, disse o vice.[/su_heading]

Fonte: Brasil 247