Representação por apologia ao crime.

Ação foi apresentada ao STF pela deputada federal e presidente do PT, Gleisi Hoffmann, após as parlamentares do PSL incentivarem e parabenizarem nas redes sociais uma tentativa de agressão de um casal contra Gleisi neste final de semana

As deputadas compartilharam em suas redes sociais, Twitter e Facebook, o vídeo da deputada Gleisi Hoffmann em que tentam agredi-la, tanto moral como fisicamente, por alguns hóspedes em um hotel no Rio de Janeiro.
Nestas publicações, as deputadas representadas parabenizam e incentivam os atos violentos praticados contra Gleisi Hoffmann, incitando que mais atitudes como essas se repitam. A atitude das deputadas extrapolam consideravelmente os limites da liberdade de expressão e da legalidade, enquadrando-se nos tipos penais referidos.
Fonte: Brasil 247
Anúncios