Vamos acreditar no Brasil, pessoal. Feliz Natal é um gesto, um simbolismo. Feliz Natal para você, mesmo sem carne para algumas pessoas aí, mas continua com a liberdade e temos outras opções“, disse Jair Bolsonaro, para tentar justificar a falta das proteínas principais da ceia de Natal por conta do preço proibitivo da carne

Vamos acreditar no Brasil, pessoal. Feliz Natal é um gesto, um simbolismo. Feliz Natal para você, mesmo sem carne para algumas pessoas aí, mas continua com a liberdade e temos outras opções“, disse ele, para justificar a falta das principais proteínas da ceia de Natal dos brasileiros, por conta da alta dos preços dos produtos.
Segundo dados da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), dos cinco alimentos da cesta de Natal cujos preços mais subiram, quatro são carnes. Depois do pernil, filé mignon (46,49%), lombo suíno (24,2%) e picanha (22,88%) estão na lista das maiores altas.
Mas para Bolsonaro, o Brasil continua com “liberdade” e em situação econômica melhor que de outros países, como a Venezuela, onde “nem cachorro tem para comer“.
bolsonaro

bolsonaro (Foto: Agência Brasil/EBC)

A declaração foi dada após jornalistas pedirem que ele enviasse uma mensagem de Natal aos brasileiros. Bolsonaro disse que, “do coração“, quer mudar o país para melhor e que não há interesse pessoal em suas ações.
Ele ainda aproveitou para fazer referência ao atentado que sofreu durante a campanha eleitoral, no ano passado, e disse ser um “milagre” que esteja vivo e tenha sido eleito. “Aconteceram dois milagres: a vida e a eleição. Milagre, ninguém consegue entender como aconteceu. É uma chance que Deus me deu de mudar o destino do Brasil“, afirmou.
Com informações do UOL.

Fonte: Brasil 247

Anúncios