Cada vez mais o índio é um ser humano que nem nós”, disse Bolsonaro em sua live semanal ao comentar a criação do Conselho da Amazônia. Ele disse que o governo trabalha para que indígenas se integrem à sociedade.

 Em sua live semanal no Facebook, Jair Bolsonaro voltou a demonstrar o desprezo que tem pelos índios. Durante a transmissão ele afirmou que “cada vez mais o índio é um ser humano que nem nós”.

Ao lado do ministro da Infraestrutura, Tarcisio Freitas, que serviu pelo Exército em Manaus, de 2002 a 2007, Bolsonaro disse: “Então você teve contato com índio, né? Com toda certeza o índio mudou. Cada vez mais o índio é um ser humano que nem nós”.
Bolsonaro disse ainda que quer “fazer com que o índio cada vez mais se integre à sociedade e seja realmente dono da sua terra indígena. É isso que queremos”.
O comentário foi para anunciar o vice-presidente, Hamilton Mourão, como chefe do Conselho da Amazônia, estrutura que servirá para “coordenar ações em cada ministério voltadas para a proteção, defesa e desenvolvimento sustentável da Amazônia“.
Ele vai ser coordenador, vai tratar de proteção, defesa, desenvolvimento sustentável e, logicamente, no tocante às reservas indígenas”, afirmou.

 Bolsonaro já afirmou que o seu governo quer explorar terras indígenas para o agronegócio e a mineração. O impedimento para que isso aconteça é a Constituição que barra a exploração de terras demarcadas para os povos indígenas. 

Fonte: Brasil 247
Anúncios