Delegados da PF ameaçam pedir demissão coletiva contra intervenção política de Bolsonaro

A decisão de Jair Bolsonaro de intervir na Polícia Federal para blindar a família nas investigações sobre o caso Queiroz provocou indignação entre os delegados. “Um pedido de demissão coletiva não está descartado, caso Bolsonaro insista na investida“, informa a jornalista Mônica Bergamo.

“As críticas ao presidente são abertas e contundentes. Um dos policiais mais prestigiados entre os colegas afirma não se recordar de nada parecido vindo de qualquer outro presidente desde a redemocratização do país. Na quinta (15), Bolsonaro anunciou que o superintendente do Rio seria um nome de sua confiança deslocado de Manaus — o delegado Alexandre Saraiva. Afirmou que era ele quem mandava e que não seria um presidente ‘banana’”.

Conheça a TV 247

Anúncios